A Dama do Amanhecer #resenha

RESENHA – A DAMA DO AMANHECER – Uma Canção de Luz e Trevas

Editora: @editorapendragon
Autor: @sir_rafael_
Gênero: Fantasia


Sabe aquela mulher forte, guerreira imbatível, poderosa e que ama ler, uma amazona mortal de sua geração, prodígio naquilo que faz, que não se ajoelha perante ninguém e luta com quem ousar desafia-la. Então, a Layla Merydian é exatamente assim e nessa leitura eu tive o prazer de conhecê-la.

Ela vive em Delwark, seu pai é o Duque de Gouldran, o segundo homem mais poderoso de todo o império, depois do Rei de Ílum.

Os habitantes de Delwark são capazes de manipular determinados elementos da natureza, como: a luz, trevas, gelo, vida, eletricidade e a mente.

Layla manipula a luz, e numa sociedade aonde o que importa é a linhagem de sangue e os poderes concedidos aos descendentes, as propostas de união de famílias eram um tanto perigosas e ambiciosas.

Layla vence todos que lutam com ela pela sua mão, e por isso, mantém uma reputação de durona e mortal. Mas tem uma paixão as escondidas…

Acontece que Layla recebe uma proposta feita pelo Rei de Ílum ao seu pai. E após isso acaba no centro de todo o poder do império, correndo sérios riscos de vida e não somente ela, como sua casa e sua nação. Tem personagem infiltrada, estratégias pra todo lado, tem batalhas e muitas coisas acontecendo.

Foi uma experiência completa de leitura, desde a capa, com a Layla deslumbrante, os títulos dos capítulos simplesmente perfeitos, a diagramação e o mapa de Delwark ao final do livro. Me transportou para o universo do livro e criou um filme na minha cabeça.

Queria um pouco mais de romance, confesso, mas entendo que a Layla é mais racional do que emotiva. E ameiii a escrita, a história, os personagens, os conflitos, tudo! Ganhou meu coração, ainda mais que deu a entender que vai ter continuação 😍

Super recomendo pra quem ama livros de fantasia❤️

Fazendo meu Filme #Resenha

Olá queridos leitores 📖

A série de livros Fazendo meu Filme da Paula Pimenta é um sucesso e com razão! ❤
Sabe aqueles personagens que você faz amizade logo de cara, foi assim com a Fani Castelino Belluz. Uma série com todas as emoções possíveis, mudanças de fases, amizades, alegrias e tristezas da vida. É aquele livro que você aprende lições de vida com os erros e acertos dos personagens. Ainda tem frases incríveis de filmes de amorzinho, como a Fani diz, vários eu ainda não tinha visto e já foram pra minha lista, e também dicas de músicas por meio dos cds do Léo. Virei muito fã dessa série brasileira!

Mas do que se trata exatamente os livros?

O livro 1️ “A estreia de Fani”

Nos apresenta a sua rotina, gostos, anseios e problemas da fase da adolescência. No geral a sua vida é muito agradável, tem ótimos amigos, vai ao cinema com frequência, só a vida amorosa é uma bagunça… Mas não se engane, muito coisa acontece pra ficar mais bagunçada ainda…

Livro 2️ “Fani na Terra da Rainha”

Simplesmente ameiiii o segundo livro, era meu sonho fazer intercâmbio, pena que pra mim não rolou. Já a Fani não queria ir a princípio, foi ideia da mãe dela, porém, mesmo deixando uma paixão no Brasil foi viver essa aventura. Muitas coisas acontecem e são maravilhosas as descrições de tudo, dos lugares, final maravilhoso também.

Livro 3️ “O roteiro inesperado de Fani”

Nossa esse foi de matar meu coração! A Fani na fase adulta, 18 anos, de volta ao Brasil, tendo que encarar várias mudanças, o vestibular, o Léo e tudo mais. Aquela fase decisiva com escolhas difíceis de se fazer para o rumo da vida.

Livro 4️ “Fani em busca do final feliz”

A mãe da Fani queria que ela fizesse Direito, mas ela consegue realizar seu grande sonho de fazer Cinema, em meio a uma situação complicada, o que começou como pesadelo de terminar com o namorado dos sonhos de uma forma horrível, a levou para Los Angeles para uma bolsa de estudos incrível. E o desfecho da história toda chega após a Fani formada e não poderia ter sido melhor.

5 estrelinhas 🌟🌟🌟🌟🌟

Já leram essa série? Qual o livro favorito de vocês? Agora tô ansiosa pra ler o último livro “Lado B” 😍

Com amor,

Morgana.

Uma curva na estrada

livro curva na estrada

Autor: Nicholas Sparks, que lançou seu primeiro romance aos 31 anos, ao qual se seguiram outros 20 livros. Suas obras foram traduzidas para mais de 50 idiomas e já venderam mais de 100 milhões de exemplares no mundo todo. Onze de seus livros ganharam adaptações para o cinema e todos entraram para a lista de mais vendidos do The New York Times. O autor mora na Carolina do Norte e tem cinco filhos.

Editora: Arqueiro

“Às vezes, quando se busca o amor, primeiro é preciso encontrar o perdão.”

Miles Ryan é o subxerife da pequena cidade do Sul dos Estados Unidos chamada New Bern, viúvo da esposa dos seus sonhos, seu primeiro amor, a namorada da escola que se tornara a companheira de todos os momentos. Desde que a sua esposa Missy saiu para correr e morreu atropelada numa rua perto de casa, pouco mais de dois anos atrás, Miles ainda não havia superado a perda.

O motorista que atropelou a sua esposa fugiu sem prestar socorro, e as investigações da polícia nada revelaram, então Miles preparou nos meses subsequentes ao funeral, um dossiê para encontrar o responsável pela morte de sua esposa, e, mesmo tendo fracassado em suas buscas, mantinha-o guardado em um envelope, para lembra-lo de que precisava solucionar essa questão e levar o criminoso à justiça.

Porém, num belo dia, ao levar o seu filho à escola, conhece Sarah Andrews, a nova professora de seu filho, Jonah. Ela se mudou de Baltimore para New Bern na expectativa de refazer sua vida após o divórcio. Sarah ficou intrigada com a tristeza nos olhos do aluno e de seu pai, o qual também achou muito bonito, tanto que já havia encantado todas as mães e professoras solteiras da escola.

Sarah e Miles começam a se aproximar e, em pouco tempo, estão rindo juntos e apaixonados. Mas a medida que se conhecem melhor, acabam de frente com um segredo terrível que os unem e a difícil decisão, que pode mudar suas vidas para sempre.

” Levei as mãos às têmporas e massageei para tentar afastar a dor. O latejar parecia vir bem lá do fundo, apunhalando-me com fúria, acompanhando cada batida do meu coração. Na minha mente, vi Missy caída na estrada, de olhos abertos, a me encarar. A encarar o vazio.” (p.156)

Desde o título até a sinopse o livro pode parecer um pouco previsível para algumas pessoas, mas não se deixe levar por essas suspeitas, porque nem tudo é o que parece ser. Uma curva na estrada é surpreendente e cativante pela forma incrível em que é retratada as difíceis reviravoltas da vida, abordando as imperfeições do ser humano, os erros que todos cometemos e a alegria que experimentamos quando nos permitimos perdoar e amar. Nos faz refletir sobre o quanto é pesado para nós mesmos odiar tanto alguém, ainda mais sem saber o que realmente aconteceu, e que punir quem te feriu não traz refrigério algum, somente o perdão o pode fazer.

Perdoar não é fácil, mas é necessário.

Com amor,

Morgana.

O Guia do Mochileiro das Galáxias

Oláaaa queridos leitores!!! Feliz dia da toalha!!!

Como hoje, dia 25 de maio, é comemorado o dia da toalha em homenagem ao autor Douglas Adams, resolvi fazer a resenha do primeiro livro da famosa série de ficção científica escrita por ele: O Guia do Mochileiro das Galáxias, que é seguido por “O restaurante no fim do universo”’; “A vida, o universo e tudo o mais”; “Até mais e obrigado pelos peixes”; e “Praticamente inofensiva”.

Editora: Arqueiro

Autor: Douglas Adams, que nasceu em Cambridge, Inglaterra, em 1952, e morreu aos 49 anos, em 2001.

Sinopse: “Considerado um dos maiores clássicos da literatura de ficção científica, O Guia do Mochileiro das Galáxias vem encantando gerações de leitores ao redor do mundo com seu humor afiado.
Este é o primeiro título da famosa série escrita por Douglas Adams, que conta as aventuras espaciais do inglês Arthur Dent e de seu amigo Ford Prefect.
A dupla escapa da destruição da Terra pegando carona numa nave alienígena, graças aos conhecimentos de Prefect, um E.T., que vivia disfarçado de ator desempregado enquanto fazia pesquisa de campo para a nova edição do Guia do Mochileiro das Galáxias, o melhor guia de viagem interplanetário.
Mestre da sátira, Douglas Adams cria personagens inesquecíveis e situações mirabolantes para debochar da burocracia, dos políticos, da “alta cultura” e de diversas instituições atuais. Seu livro, que trata em última instância da busca do sentido da vida, não só diverte como também faz pensar”.

Resenha:

O livro, já na capa, traz a seguinte frase: Não entre em pânico, um conselho bem útil para as nossas vidas terráqueas. A história é sobre uma catástrofe terrível e a descoberta da resposta do universo, através das aventuras de personagens muito divertidos .

No planeta Terra, Arthur Dent pensa estar prestes a perder a sua casa para uma demolição a ser realizada pela prefeitura, para construir um desvio. No entanto, uma grande catástrofe acontece e não só a sua casa é destruída mas todo o planeta terra.

Mas, de uma forma extraordinária, Arthur e seu amigo Ford Prefect conseguem escapar e pegam carona com a nave Vogon, a mesma nave que destruiu a Terra. Antes de sair do planeta, a única coisa que Arthur consegue pegar é uma toalha que, segundo Ford, é uma das mais complexas ferramentas já inventadas. Ford é alienígena e estava na Terra fazendo uma pesquisa para o livro “O Guia do mochileiro das Galáxias” (um guia de viagens com dicas intergaláticas).

Na nave Vogon depois muitas adrenalinas os dois acabam parando por um milagre na nave Coração de Ouro, uma nave que foi roubada por Zaphod Bleeblebrox, um alienígena de duas cabeças e três braços, presidente da galáxia e primo de Ford. E assim eles viajam junto com Trillian, uma terráquea assim como Arthur, e com Marvin, um robô depressivo, pelo espaço chegando até o planeta Magrathea, um planeta famoso por fabricar planetas, lendário e adormecido. Em Magrathea, acontecem mais aventuras e Arthur faz várias descobertas sobre a história da Terra, incluindo “a resposta do universo”.

Gostei bastante da leitura, achei interessante e descontraída. O autor critica os problemas da nossa sociedade brincando com política, com burocratas, com todas as instituições que conhecemos, fazendo graça de forma nerd. E assim, ele nos faz questionar (e rir pra não chorar) das situações absurdas que passamos, e muitas vezes fora do nosso controle, porém recomenda “Não entre em pânico”, pois existe uma solução para o universo.

E após essa leitura passei a dar mais valor a minha toalha. Hahaha

Abraços,

Morgana.

Para Salvar Uma Vida

Editora: BV Filmes

Classificação: Romance/Ficção

Autores: Jim e Rachel Britts.

Jim é formado em Cinema, possui mestrado em Ministério Geral no Seminário Western e é Pastor de Jovens na Igreja New Song Community em Oceanside. Rachel ensina Inglês em Oceanside High School. Eles se conheceram quando ainda eram estudantes da Universidade de Biola e compartilham uma paixão que é servir a Deus e impactar a vida de jovens e adolescentes. As personagens do filme e livro Para Salvar Uma Vida são inspiradas na experiência da vida real do casal com os seus alunos. Se você assistir ao filme com atenção, verá a igreja, a cozinha e o jipe preto de Jim e Rachel.

IMG_8037

“Ele desistiu de ser alguém a fim de fazer a diferença.”

A história nos apresenta JAKE e ROGER, dois vizinhos que cresceram juntos como grandes amigos.  Ainda na infância Roger salvou seu melhor amigo de ser atropelado por um carro e acabou por ficar manco de uma perna.

No Ensino Médio, Jake torna-se o astro do esporte mais popular da escola, mas para estar entre os populares teve que fazer uma escolha: abandonar o seu amigo de infância, que não era descolado o suficiente para ser aceito no grupo.

Então, enquanto Jake estava feliz e distraído em sua vida perfeita de jogador de futebol americano, com a namorada mais bonita e uma possível bolsa de estudos em vista. Roger não tinha amigos, era zuado todos os dias por andar mancando e pensava em suicídio.

Uma terrível tragédia dá uma girada na história e muda a vida de todos para sempre, principalmente a de Jake.

Para Salvar Uma Vida é uma história inspiradora sobre as escolhas difíceis e os desafios da vida real. Para quem já teve de lidar com o remorso, a solidão ou a dor, esta é uma história que mostra como viver uma vida significativa.

Através da jornada de Jake, você será desafiado a responder a seguinte pergunta: Qual o sentido da sua vida?

Eu assisti o filme diversas mil vezes, amei demais! Tanto que ganhei o primeiro livro e logo comprei o segundo, e estou atrás do terceiro.

Se vocês já leram ou assistiram comentem aqui.

Beeeeeeijos

Morgana.