Playlist – Inspirações para escrever

Oláaaa queridos leitores!!! ❤ ❤

Estas são as minhas músicas favoritas para buscar inspiração para escrever. Cada uma com uma letra e melodia mais linda e edificante que a outra. Super amo!

Confira:

 

Comenta aqui se gostou das músicas.

Com amor,

Morgana.

Eu quero te amar todos os dias…

É fácil dizer num momento que eu sempre te amarei
mas no fim do dia, quando coloco minha cabeça pra descansar
Eu nem mesmo falei contigo

É fácil cantar a plenos pulmões que eu te darei tudo
Mas quando ninguém está vendo será que ainda trarei a ti o meu sacrifício?
É fácil dizer num momento que eu sempre te amarei

Senhor, eu quero te amar
Diariamente entregar a minha vida pra tua história
Diariamente levantar minha voz pra tua glória
Diariamente trazer a ti o meu melhor, todas as vezes

Pois todo dia contigo é melhor
Todo dia contigo é melhor, eu creio
Todo dia contigo é melhor, Deus
Senhor, todo dia contigo é melhor

Trarei tudo de mim, todas as vezes
Todas as vezes que eu vier a ti, Pai
Todas as vezes que eu vier a ti, lava-me
Eu te peço, Senhor

Cria em mim um coração limpo
Cria em mim um coração limpo e puro diante de Ti
Vem e renova em mim um espírito estável
Que não desistirá, pela tua graça, Senhor
Este espírito que habita em mim diz sim para Ti
Outra vez, outra vez e outra vez

Mesmo quando eu estou fraco
Mesmo quando eu estou quebrado

Não me peça para sair da tua presença
Senhor, eu só quero permanecer aqui
Em tua presença
Não me expulses da tua presença, Senhor
Pois quero habitar, Eu quero estar perto de Ti
Não Retires o espírito santo de mim

Pois esta vida é melhor contigo
Todo dia é melhor contigo, Pai
Dá-me um coração puro, Eis me aqui.

Cabeça Para Fora Da Água.

Cabeça Para Fora Da Água

Tenho que manter a calma antes da tempestade
Não quero menos
Não quero mais
Devo barrar as janelas e as portas
Para me manter segura, para me manter aquecida

Sim, minha vida é pelo que luto
Não posso separar o mar
Não consigo chegar à costa
E minha voz se torna o impulso
Não vou deixar isso me puxar ao mar

Deus, mantenha minha cabeça para fora da água
Não deixe eu me afogar
Fica mais difícil
Eu te encontrarei lá no altar
Enquanto me ajoelho
Não deixe eu me afogar
Não deixe eu me afogar

Então, me puxe lá do fundo
Porque estou embaixo da corrente
Venha me secar e me abraçar
Preciso de você agora, mais do que tudo

Deus, mantenha minha cabeça para fora da água
Não deixe eu me afogar
Fica mais difícil
Eu te encontrarei lá no altar
Enquanto me ajoelho
Não deixe eu me afogar
Não deixe eu me afogar
Não deixe eu me afogar
Mantenha minha cabeça para fora da água

E eu não consigo ver na tempestade
Eu não consigo me recompor
E não posso nadar no oceano assim para sempre
E não consigo respirar

Deus, mantenha minha cabeça para fora da água
Eu perco meu fôlego no fundo
Venha me salvar
Eu estarei esperando
Sou muito jovem para adormecer

Deus, mantenha minha cabeça para fora da água
Não deixe eu me afogar
Fica mais difícil
Eu te encontrarei lá no altar
Enquanto me ajoelho
Não deixe eu me afogar
Não deixe eu me afogar
Não deixe eu me afogar
Mantenha minha cabeça para fora da água

 

 

 

Incerto.

Deve ser a pressa, de viver tudo que quero
Ao mesmo tempo
Sofro novamente, no mesmo choro
Olho pra mim

Como será que pode meu Deus
Eu ser assim
Pra onde vou? De onde eu vim?
Quero aprender a descansar em ti

Regredindo assim, no arremesso louco de insanidade
Luta escassa de mente, coração
E alma, e alma, e alma, e alma

Certeza é você, guiando o caminhar
Vontade a tua, decido cantar você
Me furte aos meus anseios
Incerto sempre estou
Refresque-me a memória o que me fez andar
Vejo que ainda há vida em mim
Não se pode mais caminhar assim

Pode ser o tempo, esvaecendo aos poucos
Indo ao teu encontro
Feito a ventania, da minha ansiedade
Olho pra Ti

Preciso ouvir o som do coração, ao palpitar
Do menino novo e sábio que no pai, pode confiar

Prosseguindo assim
Mas ao mesmo tempo sem prosseguir
Luta pesada de mente, coração
E calma, e calma, e calma, e calma

Certeza é você, guiando o caminhar
Vontade a tua, decido cantar você
Me furte aos meus anseios
Incerto sempre estou
Refresque-me a memória o que me fez andar
Vejo que ainda há vida em mim
Não se pode mais caminhar assim

Lâmpada.

Lâmpada para os meus pés é a Tua palavra
Luz para os meus caminhos
Caminho tranquilo
Estreito porém colorido
Caminho contigo, meu amor

Sou peregrino nesta terra e vivo em liberdade
Iluminado vou andar em Tua verdade
Eu sigo pra eternidade

O meu amor me faz repousar
em pastos verdejantes
Refrigera o meu coração
em águas de descanso
Eu ando tranquilo
Pois sei que sempre estás comigo
Fiel amigo, meu salvador

Andei errante como ovelha perdida, sozinha, cheia de dor
Quase morri mas você me achou, me amou e me salvou
Seguro vou pra eternidade
Caminho na eternidade

Em cada canto pequenas alegrias.

Em Cada Canto
Lorena Chaves

Aquela ducha fria
Depois de um banho de mar
Pensar na vida
Enquanto o avião decolar

Pisar descalço na grama
Ouvir barulho de chuva
Sujar a calça de tinta
Sorrir pra todos na rua

Olhar as fotos de quando era menino
Ouvir as mesmas lembranças do avô
Deixar o sol te aquecer, no inverno frio
Se emocionar pela história de um filme bom

Ah, você faz tudo ficar mais leve
Tua beleza à luz do dia
Em cada canto
Ah, você faz tudo ficar mais leve
Me aquecendo na noite fria
Em cada canto

Café coado na hora
Dormir até acordar
Perfume bom no lençol
Camisa de algodão

Ganhar um abraço apertado
De quem se gosta
Tomar um vinho ouvindo jazz na vitrola

Andar de meia na sala
Deitar na rede pra ler
Pegar na mão de quem ama
E ver o amanhecer
Fazer jantar pros amigos e rir à toa
Ter alguém pra agradecer as coisas boas

Ah, você faz tudo ficar mais leve
Tua beleza à luz do dia
Em cada canto
Ah, você faz tudo ficar mais leve
Me aquecendo na noite fria
Em cada canto

Enquanto o tempo encurta os dias
Você sublinha cada detalhe
Me faz saber que a graça aponta
Pra quem tem olhos pra ver e perceber

Ah, você faz tudo ficar mais leve
Tua beleza à luz do dia
Em cada canto
Ah, você faz tudo ficar mais leve
Me aquecendo na noite fria
Em cada canto

Pequenas Alegrias
Marcela Taís

Rir até doer a barriga, pão quentinho da padaria
Receber carta pelo correio, ouvir o alarme do recreio
Andar descalço na areia, barraca, lua, uma fogueira
Lamber colher do bolo, encontrar moeda no bolso
Correr na rua, banho de chuva,
Sorvete no verão, brincadeira de irmão

Mas, se a gente juntasse as pequenas alegrias
Seriamos felizes todos os dias
Mas, se a gente juntasse as pequenas alegrias
Seriamos felizes todos os dias

Orgulho de trabalho bem feito, chegar em casa mais cedo
Brincar com seu cachorro, a mãe deixar ficar com o troco
Elogiarem sua comida, estar com a família
Mensagem de madrugada, música predileta bem alta
Cantar debaixo do chuveiro, dançar na frente do espelho
Encontrar velho amigo, apertar plástico bolha, ficar um tempo à toa

Mas, se a gente juntasse as pequenas alegrias
Seriamos felizes todos os dias
Mas, se a gente juntasse as pequenas alegrias
Seriamos felizes todos os dias

Ouvir histórias de amor, voz de robô no ventilador
Olhar nos olhos teus, conversar com Deus
Ir para igreja, passear na feira
Paz no coração, liberar perdão, abraço inesperado
Trabalho voluntário, estar vivo, fazer aniversário

Mas, se a gente juntasse as pequenas alegrias
Seriamos felizes todos os dias
Mas, se a gente juntasse as pequenas alegrias
Seriamos felizes todos os dias

Primeiro.

Antes de eu trazer a minha necessidade
Eu vou trazer o meu coração
Antes de eu levantar minhas preocupações
Vou levantar meus braços

Quero Te conhecer
Eu quero Te encontrar
Em cada estação
Em cada momento
Antes de eu trazer a minha necessidade
Eu vou trazer o meu coração
E Te buscar

Primeiro
Eu quero Te buscar
Eu quero Te buscar
Primeiro
Eu quero mantê-Lo
Eu quero mantê-Lo
Primeiro
Mais do que qualquer coisa que eu quero, Te quero
Primeiro

Antes de eu falar uma palavra
Deixe-me ouvir Sua voz
E no meio da dor
Deixe-me sentir Sua alegria
Aah, quero Te conhecer
Eu quero Te encontrar
Em cada estação
Em cada momento
Antes de eu falar uma palavra
Eu vou trazer o meu coração
E Te buscar

Primeiro
Eu quero Te buscar
Eu quero Te buscar
Primeiro
Eu quero mantê-Lo
Eu quero mantê-Lo
Primeiro
Mais do que qualquer coisa que eu quero, Te quero
Primeiro

Você é meu tesouro e minha recompensa
Que nada nunca venha antes
Você é meu tesouro e minha recompensa
Que nada nunca venha antes
Eu procuro Você

Primeiro

Primeiro
Eu quero Te buscar
Eu quero Te buscar
Primeiro
Eu quero mantê-Lo
Eu quero mantê-Lo
Primeiro
Mais do que qualquer coisa que eu quero, Te quero
Primeiro
Primeiro

Casa do Pão.

Pode entrar na casa do pão
Não há misérias, nem faltas aqui
Vem saciar a fome do coração
Descobrir o mistério

Ele nutre por ti
Um amor que é maior que o mundo
Morreu para que
Sua vida seja tão cheia de alegria
E paz, paz ô ô ô
Paz, paz ô ô ô

Pode entrar se alegrar sem medir
Sabendo que nele mentiras não há
As paredes são mesmo assim
Não são fachadas são pra colorir

Ele nutre por ti
Um amor que é maior que o mundo
Morreu para que
Sua vida seja tão cheia de alegria
E paz, paz ô ô ô
Paz, paz, o teu reino é paz

Paz, paz ô ô ô
Paz…

Paz, infinita paz
Maravilhosa paz, infinita paz
Que excede o entender
Que excede o entender
É mais do que eu possa imaginar
E ele é poderoso pra fazer
Infinitamente mais

Paz, paz ô ô ô
Paz, paz ô ô ô

Refúgio.

Eu não peço por muito
E já te digo o porquê
Tudo o que eu quero
É estar onde estás
O mundo pode acabar
E o céu pode se abalar
Mas eu estarei bem aqui onde estás

Eu não vou temer nunca mais
Encontrei em Ti minha paz
Encontro meu refúgio em Ti
As minhas próprias armas
Não vou usar, antes vou confiar
Encontro meu refúgio em Ti

Jimmy Needham:
I’m not asking for armies
I’ll just tell you why
All that I want is to be by your side
Home might be burning
The walls caving in
But I’ll be just fine
In your company then

So I don’t gotta fear anymore
I’m gonna stand right here by you, lord
I’m finding my shelter in you
I don’t wanna fight my own battles now
I’m gonna lay my shield and my weapons down
I’m finding my shelter in you

So I don’t gotta fear anymore
I’m gonna stand right here by you, lord
I’m finding my shelter in you
I don’t wanna fight my own battles now
I’m gonna lay my shield and my weapons down
Cause I’m finding my shelter in you

Jimmy Needham:
I don’t gotta fear
I don’t gotta fear
Your spirit all around me
Your hand is always on me
So I don’t gotta fear

Amanda Rodrigues
Eu não vou temer
Eu não vou temer
Sua mão está comigo
És meu melhor amigo
Eu não vou temer

Eu não vou temer
Eu não vou temer
Sua mão está comigo
És meu melhor amigo
Eu não vou temer

Jimmy Needham e Amanda
I don’t gotta fear
I don’t gotta fear
Your spirit all around me
Your hand is always on me
So I don’t gotta fear

I don’t gotta fear
I don’t gotta fear
Your spirit all around me
Your hand is always on me
So I don’t gotta fear

Portão Azul.

Ficar parado em frente ao portão não faz seus pés tocarem no jardim
Os passos que o levam são os mesmos que retornarão
E você fica aí tentando imaginar como seria do outro lado
por não querer perder de vista o que não se perde por esperar

Ah deixa de evitar o inevitável é, viver na plenitude
Abra o portão azul, da casa mais bonita (2x)

Olhe para esse jardim
As cores das flores têm cheiro de paz aqui
E todos são crianças
Sem medo e sem lembranças da cidade

Ah, deixa de evitar o inevitável é, viver na plenitude
Abra o portão azul, da casa mais bonita (2x)

Busque enquanto é tempo de buscar
Enquanto o sol ainda nasce
Enquanto há por onde andar
Enquanto a música ainda toca
Busque enquanto é tempo de buscar
Enquanto o sol ainda nasce
Enquanto há por onde andar
Enquanto a música ainda…

Ah, deixa de evitar o inevitável é, viver na plenitude
Abra o portão azul, da casa mais bonita (3x)

Venha ver o jardim, da casa do portão azul
Venha ver o jardim, da casa do portão azul
Ah laralarala

“Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto.”

Isaías 55:6